Trem de mineiro(a)

Todos aqui são sabedores da minha paixão pelo sotaque mineiro, que perde apenas para os franceses falando inglês no quesito beleza e graciosidade.
Além de muitas outras coisas maravilhosas, como belas mulheres e "bofes";a culinária, as paisagens; a receptividade e os modos acolhedores dos habitantes; a quantidade enorme de gays por metro quadrado; a educação de qualidade; a tranquilidade; o alto IDH e PIB; as cachoeiras e os botecos, Minas ainda tem o que mais encanta o resto do país: O belo "sutaqui". 

Adoro a economia nas vogais, que quando existem, são pronunciadas longamente, o tom  caipira, com um "r" que pesa lá pra mais de uma tonelada e a entonação geral de palavras e o "bolorê" que às vezes só nós mesmos entendemos.
Vez ou outra solto umas expressões aqui, mas recebi ontem um e-mail muito bacana do meu amigo Klaus, que sem permissão nenhuma, copio e colo aqui.
Espero que assim seja mais fácil o diálogo entre o resto do país com esse que parece um dialeto apenso ao nosso amado e correto português.

DICIONÁRIO DO MINEIRO

- ansdionti (antes de ontem)
- badacama (debaixo da cama)
- belrizonte (Belo Horizonte)
- cadiquê (por causa de quê)
- caisopô (caixa de isopor)
- conforfô (conforme for)
- dácençapreu (me dá licença)
- dendapia (dentro da pia)
- desceuprusgrugumio (desceu pela goela abaixo)
- deumemo (de mim mesmo)
- dôdestongo (dor de estômago)
- doidimais (doido demais)
- dosseis (de vocês)
- dotrabanda (do outro lado)
- emribadora (em cima da hora)
- indostrudia (ainda outro dia)
- iscodidente (escova de dente)
- issuquipómoiá (isso aqui pode molhar)
- istrudia (outro dia)
- kidicarne (quilo de carne)
- lidileite (litro de leite)
- mardusfigo (mal do fígado)
- mastumate (massa de tomate)
- midipipoca (milho de pipoca)
- némermo (não é mesmo?)
- nóissinvai (nós já vamos)
- nossinhora (nossa senhora)
- óiprocevê (para você ver!)
- óiquí sô (olha aqui, meu amigo)
- óiuchero (olha o cheiro!)
- oncêfoi (aonde você foi?)
- oncotô (onde que estou)
- onquié (onde que é?)
- óprocê (ó!, pra você)
- ostrudia (outro dia)
- pédiboi (homem muito trabalhador)
- pincumel (pinga com mel)
- pondiônsbi (ponto de ônibus)
- pópegakasmão (pode pegar com as mãos)
- pópicáuaio (pode picar o alho)
- pópô (pode por)
- pópômapoquimdipó (pode por mais um pouquinho de pó)
- pôpurbaxo (colocar por baixo)
- pradaliberdade (praça da liberdade)
- praonostamuinu (para onde nos estamos indo?)
- prarribadeu (pra cima de mim)
- prestenção (preste atenção)
- procevê (para você ver)
- proncovô (pra onde que eu vou)
- prosseis (para vocês)
- prucausdiquê (por causa de quê)
- pruviadela (por causa dela)
- quaisnaora (quase na hora)
- quascaí (quase caí)
- quédele (cadê ele)
- quingresia! (que confusão!)
- rugoiais (rua Goias)
- sadona (minha senhora)
- sápassado (sábado passado)
- secopassado (século passado)
- séssetembro (sete de setembro)
- sóumcadiquinho (só um pouquinho)
- táinzonando (está demorando)
- tálascado (está em má situação)
- taveu (estava eu)
- tidiguerra (tiro de guerra)
- tissodaí (tira isso daí)
- tradaporta (atrás da porta)
- trem (qualquer coisa)
- tranzantonti (no dia anterior ao dia de ontem)
- trembão (qualquer coisa boa)
- ugáscabô (o gás acabou)
- usmininxegaro (os meninos chegaram)
- usvididentro (os vidros de dentro)
- usvidifora (os vidros de fora)
- uviumbaruim (ouvir barulho)
- vanssimbora (vamos embora)
- vidiperfumi (vidro de perfume)
- vimdiapé (vim caminhando) 

*Confesso que já utilizei quase todos....
*Espíritos de porco: Isso nao é apologia à incorreção da escrita. Saibam que isso é regionalismo, e valorizo muito a cultura mineira. Assim como respeito oxs rrregionalixsmoxs dox cariocaxs.

Beijin proceis...

3 comentaram:

Dom Marcelon disse...

Realmente este nosso brasilzão e seus diversos sotaques são maravilhosos, eu curto muito o sotaque gaucho, bjus minha Fiona

Gii disse...

Mineiro, é povo mto massaaaaaa! Sério, estive em BH ano passado, e gostei mto mesmo!

NanoFenton disse...

Nooosa, o sotaque mineiro é fantástico, maravilhoso. Eu não sou mineiro, mas meus pais nasceram perto de minas e eu tive o privilégio de incorporar um pouco desse dialéto magnífico, e conseguir entender razoavelmente bem. Eu tinha uma amigo mineiro e ficava pedindo pra ele me falar das expressões que ele ouvia na cidadezinha que ele morava. A melhor de todas:
"muleque, cê tem barúi de carroça!" explicação: equivale a dizer: "voce é louco!". Isso porque quem é louco fica ouvindo barulho de carroça na cabeça, sem que haja carroça. Fala aí, sensacional não é? abraço t+

BEM VINDOS AO TAIPAN DOMESTICADA...INJETEM SEUS VENENOS À VONTADE.
 
Copyright 2009 TAIPAN DOMESTICADA All rights reserved.
Blogger Templates created by Deluxe Templates
Wordpress Theme by EZwpthemes