Tempo

Palavra que assusta...aterroriza.

Quem se dá ao luxo de ter tempo, tempo bom, bem aproveitado, pra si mesmo??
Todas as pessoas, (exceto minha tia noveleira) reclamam de FALTA de tempo.
Eu, claro, na mesma maré baixa de tempo...correndo contra os minutos, apressando a vida, adiantando as coisas que nao deveriam ser adiantandas, pulando fases, desprezando coisas importantes, pulando, correndo e deixando de crescer e multiplicar-me, como nosso senhor pediu... Semana que tenho 0% de aula na facu, mas nao vou ter tempo nem de ciscar em galinheiros distantes de tanta coisa que tenho planejada pra fazer.

Ando querendo tanta coisa:

Querendo fazer blog novo de Design; Querendo voltar pra aula de dança do ventre; Querendo aprender tango; Querendo finalmente decorar o alfabeto chinês; Querendo resolver o problema dos pelos; Querendo aprender cura prânica; Querendo terminar a apostila de hipnose; Querendo mudar o mundo; Querendo ler todas as 34567876543 apostilas que tenho a ler; Querendo terminar o projeto do apartamento; Querendo ir conhecer o tãão amado Parque das Mangabeiras; Querendo praticar a santa paciência que tenho perdido no meu jardin Zen; Querendo gravar meu mantra pessoal; Querendo me mudar; Querendo visitar a Pancetta; Querendo viver em paz; Querendo paz no mundo; Querendo chorar; Querendo terminar o book da Raquel; Querendo tirar o cabelo do atraso de hidratação; Querendo dormir todos os sonos que nao dormi e sonhar todos os sonhos que nao sonhei; Querendo esquecer algumas coisas e lembrar de várias que ando esquecendo; Querendo ler todos os livros que tenho pra ler; Querendo dedicar a vida a um objetivo há muito deixado de lado; Querendo sentar e chorar; Querendo viver direito; Querendo de um tudo...

O problema é que parece que o problema é só meu...MAS NÃO É...todo mundo anda com excesso de falta de tempo.


Tempo para a vida, pras pequenas coisas, coisinhas pequenas que exigem paciência...Tempo para cuidados, para amor, sapatos novos, amizades e brincadeirinhas que exigem mais tempo e esforço do que estamos acostumados.

Estamos todos como baratas tontas, correndo atrás de apegos materiais, dinheiro, sabedoria, comnhecimento, amadurecimento...mas nos esquecemos de que tudo isso que tanto lutamos e buscamos é só pra um dia(distante dia) chegarmos ao tão almejado sonho: ter tempo para curtir tudo isso.
Espero que meus setenta anos chegue logo, para que eu morra e reencarne (??) em uma árvore e faça minha esporádica fotossíntese na santa paz da natureza...

Porque eu quero morrer ao setenta e nao aos sessenta e cinco??
Simples:

EU QUERO FURAR MUITAS FILAS PRA ME VINGAR!

4 comentaram:

Duanny!. disse...

ah tempo é mesmo uma coisa que esta em falta pra qualquer um!

;*

Max Psycho disse...

Dai seus textos estão cada dia mais legais ein, meus parabéns minha Fiona

Evandro Varella disse...

Dai,
tempo, tempo, tempo... todos querem tempo, mas ninguém quer dar um pouco de tempo...
contradições da vida moderna.
beijocas

MR disse...

Dai-me tempo, Senhor.

Mas tenho dez minutos para correr e encontrar a Cruela Cruel.

Então dai-me tempo para descansar depois do almoço.

Ou dai-me tempo bom para pegar uma praia no RJ.

BEM VINDOS AO TAIPAN DOMESTICADA...INJETEM SEUS VENENOS À VONTADE.
 
Copyright 2009 TAIPAN DOMESTICADA All rights reserved.
Blogger Templates created by Deluxe Templates
Wordpress Theme by EZwpthemes